• Facebook B&W
  • Instagram B&W
  • Twitter B&W
  • CMurville

MAGIA NEGRA


Gigi acreditava que magia negra era coisa de bruxa malvada, dos contos de fadas e das histórias de ficção, e não fazia parte da realidade do dia a dia.


Porém, certa manhã, cruzou com um grupinho de meninas que, ela logo percebeu, falavam dela pelas costas. Gigi sentiu-se mal, suas orelhas arderam, ficaram quentes, pareciam queimar. Afastou-se das garotas fofoqueiras.


Mas logo sua tia ligou reclamando da vida. E quanta reclamação! A mulher se queixava dos cunhados, do vizinho, do cachorro, da temperatura, do vento, de tudo! Ainda discorreu detalhadamente sobre seus problemas de saúde. Até parecia que este era o seu assunto predileto!


Gigi foi ficando com dor de cabeça e o estômago embrulhado. As considerações de titia agora rodopiavam à sua volta, ameaçando também seu bem-estar. Gigi despediu-se da tia e encerrou a conversa pesada. Chega de dar trela a reclamações e lamentos auto piedosos intermináveis.


Mas aquele dia estava mesmo sombrio. Era dia de magia negra. Logo Gigi sentiu olhares desagradáveis a inspecionando da cabeça aos pés. Começou a suar frio. E quanta gente cobiçando o que não lhe pertencia, julgando, criticando e acusando a torto e a direito!

Gigi retornou para casa exausta, como se as ondas de críticas e fofocas, os olhares inquiridores e o mal humor da tia ainda ecoassem em seu campo eletromagnético. Compreendeu que palavras, olhares e pensamentos carregam energia, que tanto pode abençoar e esclarecer como amaldiçoar e prejudicar.


Refletiu, então, sobre como cada um, e ela mesma, usava a energia da qual dispunha. O que manifestava e conjurava com a fala, os gestos, os pensamentos e o olhar? Transformar a força de vida que nos atravessa em fofoca, cara amarrada, cobiça, reclamações, acusações ou olhares inconvenientes, era fazer magia negra, concluiu Gigi. Empesteava o ambiente, jogando sobre as pessoas à volta uma energia desagradável e envolvendo-as com uma nuvem de maldição e de formas-pensamento nocivas.

As pessoas não sabem, mas vivem fazendo magia negra!


#crônica #crônicas #autora #autoranacional #magia #magianegra #literatura #literaturanacional #literaturacontemporânea #literaturabrasileira #Leia #LeiaLiteraturaNacional #projetoecoliterário #mulheriodasletras #livros #leitores #leitura

7 visualizações