• CMurville

APLICATIVOS E REALIDADES DE PASSAGEM

Atualizado: 6 de Abr de 2020


José foi para Londres e, depois de algumas semanas lá, já se portava como um londrino. Parecia que tinha incorporado um novo aplicativo que lhe alterara comportamentos, interesses e até o modo de pensar. Quando retornou ao Brasil, estava completamente diferente, era meio brasileiro, meio inglês. A turma que o conhecia estranhou o seu novo jeito. Alguns de seus antigos colegas não se interessaram mais por ele. E de fato, José tinha descurtido aquela realidade na qual vivera antes de sua viagem a Londres. Agora estava em outra realidade, diferente, onde seus novos interesses encontravam sintonia com outras pessoas, levando-a fazer novas amizades.


Maria viveu situação semelhante de mudança de realidade, sem mesmo viajar para outro país. Certo dia, saiu feliz e animada de casa, tudo parecia correr bem. Pegou a condução para o trabalho e sentou-se no ônibus ao lado de um sujeito que estava absolutamente deprimido e triste. Nada dava certo na vida dele. Apesar de nos acharmos separados uns dos outros, vivemos em um mundo onde tudo vibra e somos constantemente afetados pelo campo eletromagnético das pessoas que encontramos. E dito e feito, Maria saiu do ônibus em outra realidade. Agora ela também se sentia desanimada, o dia custou em passar, nada dava certo. Tinha se bandeado para uma realidade triste e sofrida, como a de seu vizinho de ônibus!


Mesmo sem eventualmente nos darmos conta, vivemos em múltiplas realidades. Ora achamos que tudo acontece segundo a nossa vontade, ora não, ora nos sentimos felizes, vemos coisas lindas, estamos confiantes ou satisfeitos, ora nos percebemos infelizes, achamos tudo feio, estamos na dúvida ou insatisfeitos, e assim por diante, oscilamos entre situações positivas e negativas, boas e ruins, que gostamos ou não. Basta mudar a nossa atenção, o sentimento, a emoção, incorporar um novo aplicativo, para uma nova realidade descortinar-se à nossa volta.


Mas, em algum momento, entendemos que se estamos felizes em uma realidade, logo adiante não estaremos mais tão satisfeitos e ficamos cansados dessa oscilação de humores e constante alteração da realidade. Queremos largar essa vida de alternâncias implacáveis. Percebemos que toda realidade momentaneamente percebida e todo aplicativo eventualmente incorporado estão inseridos em um universo de passagem.

#CRÔNICA #crônica #miniconto #realidade #passagem #aplicativo #mudança #comportamento #emoção #sentimento #psicologia #autora #autoranacional #Leia #LeiaLiteraturaNacional #projetoecoliterário #mulheriodasletras #leiamais #euleionacional #LivrariaMulherio #literatura #literaturanacional #literaturacontemporânea #literaturabrasileira #oscilação #alternância #múltiplasrealidades

12 visualizações0 comentário
  • Facebook B&W
  • Instagram B&W
  • Twitter B&W